terça-feira, 17 de outubro de 2017

Chuva, finalmente!

Acho que nunca fiquei tão feliz com a chegada da chuva. 

Eram perto das dez e meia da noite quando os primeiros pingos começaram a cair. No prédio em frente, houve também quem fosse à janela para ver a chuva cair. 

Um pequeno alívio para o sofrimento mas insuficiente se o Governo ficar de braços cruzados.

Há-que não ficar de braços cruzados!




segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Nova tragédia... como é possível?

Mais de 500 incêndios, muitos começados à noite, com indivíduos apanhados em flagrante delito. 36 mortos, bombeiros exaustos mas com uma alma enorme.

Um verdadeiro inferno, sobretudo a Norte e Centro, bem perto de zonas onde já vivi. 

Como é possível?

Estou aqui, em Lisboa, mas estou de coração nas mãos.








quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Gosto de gente transparente

Sim, gosto muito. Gosto muito de gente transparente, que mostra o que sente sem se envergonhar. Sejam lágrimas ou sorrisos, beijos ou abraços. Gosto de gente com gosto pela vida, pois a vida nada seria sem emoções. 

E tu? És transparente? 

Se não és... estarás algum dia a caminho de o ser?



sexta-feira, 6 de outubro de 2017

Para este fim-de-semana...

Para começar este fim-de-semana da melhor maneira, aqui fica uma das minhas favoritas do momento. O regresso de Sam Smith era muito esperado e do que tenho ouvido, é certo que virá por aí um excelente álbum.

Para já, este incrível Too Good At Goodbyes, parece-me a banda sonora perfeita para este fim-de-semana prolongado.

Fiquem bem!

PS: Gostam da nova imagem do blogue?




quarta-feira, 4 de outubro de 2017

Chama-se vida!

Olá, novamente :)

Felizmente, a vida não para. A sucessão de momentos não deixa de me surpreender. Tenho tanto para partilhar e para escrever por aqui. 

Das minhas viagens, de mais um regresso feliz ao Porto, das experiências, do que penso e tantas outras coisas mais.

Antes de mais nada, partilho convosco uma fotografia do último local que visitei. 

Alguém consegue "adivinhar" onde fica?



sábado, 16 de setembro de 2017

Das minhas viagens, VI - Évora

Não conhecia particularmente bem o Alentejo. Para mudar esse estado de coisas, viajei até Évora, o meu último destino antes do regresso a Lisboa.

Évora numa palavra? Apaixonante. Foi um prazer andar por aquelas ruas estreitas caiadas de branco e amarelo, visitar a Sé e as inúmeras igrejas que nos surgiam pelo caminho.

Évora surpreendeu-me pela simpatia das pessoas, pela simplicidade e pelo gosto por uma boa conversa.

Fui muito bem recebido numa terra que me deixa saudades apesar do calor intenso que apanhei.

A meio da tarde estavam uns incríveis 48º!!!

Regressarei ao Alentejo, com toda a certeza para conhecer mais vilas e cidades!









segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Das minhas viagens, V - Aveiro

Inicialmente, Aveiro não estava nos meus planos de viagem. 

Já a tinha visitado há uns bons anos atrás e as recordações eram as melhores. Como me ficava em caminho, decidi incluir uma viagem à cidade dos Moliceiros e dos ovos-moles e da bela ria.

E ainda bem que decidi ir. Terra de boa gente, simpática e que sabe como receber quem a visita. Fiz uma viagem de moliceiro pelos canais da ria de Aveiro com direito a uma visita guiada e com explicações sobre a história da cidade e da famosa produção de sal que foi um dos pontos altos da viagem!

Dos ovos-moles, confesso que não sou grande apreciador.

Uma bela viagem, esta a Aveiro! 

Ficam as fotos, desfrutem!